A Força Vital e A Energia Sutil

Radiestesia e Radiônica


Vamos tratar sobre algo que muitos deixaram de buscar há tempos e que é algo valioso que não podemos explicar ou avaliar: a energia sutil, energia vital que sustenta tudo o que existe interligando tudo e todos.

Já sabemos que todos os corpos celestes emitem e propagam ondas que se expandem de forma linear e circular e que se intercalam umas com as outras de outros corpos celestes que também emitindo e recebendo ondas formam figuras geométricas que são a base de tudo o que existe mediante a forma e quantidade de lados que formam os elementos da natureza e da vida: água , madeira, fogo, metal e terra.

Essas energias se interagindo vão sendo equilibradas no todo, mas o ser humano começa a interferir nelas causando desequilíbrios no todo que muito prejudicam o solo, as plantas, os animais e o próprio ser humano.

Para que haja uma melhor harmonização, portanto, é preciso trabalhar bem esta energia que age em cada um e no todo em geral, trabalhando incansavelmente para este aumento da energia boa porque muita coisa contribui para a desarmonia e o caos.

As energias sutis são a própria vida em si: somos seres de energia, vivendo em um universo composto de energia. Somos um sistema de centros de energia. Na física diz-se que qualquer coisa que produza um padrão rítmico, cíclico de movimentos ou energia é um “oscilador”.

Um relógio de pêndulo, um bambolê girando, um carrossel, o motor e as rodas de um carro, um coração batendo, nossas ondas cerebrais, todos são osciladores. No caso do corpo humano, nossos osciladores produzem não apenas emissão eletromagnética, como também ondas rítmicas ou pulsações de energia vital, ou CHI.

Os osciladores podem atrelar-se uns aos outros. Isso foi descoberto em 1665 pelo inventor de relógio de pêndulo. No quarto cheio de relógios que ele possuía, reparou que estes funcionavam atrelados, isto é, começavam a girar juntos, sincronicamente.

Quando cessava o padrão de modo a girarem ao acaso, dentro de algumas horas eles novamente entravam em sincronia.

Este termo ATRELAGEM traduz a ideia de que a frequência da pulsação ou do movimento de dois osciladores diferentes se igualam. Isso ocorre em todos os níveis da natureza, dos átomos às células.

Bandos de pássaros e cardumes de peixes, mãe e filho sendo amamentado cujo padrão de onda de energia dos corações ficam atrelados.

E nós, quando estamos tranquilos, quando estamos em sincronia com nossos sistemas, tudo o que realizamos é eficaz e perfeito.

Há em cada um de nós, dois tipos de energia:

. CHI congênito é o que vem de nossos pais, nossa nutrição intrauterina, influências planetárias na concepção e talvez fenômenos herdados dos antepassados.
. CHI adquirido é o que obtemos dos alimentos, das ervas energéticas e do ar. Ajuda a conservar o chi congênito e os dois trabalham juntos sinergicamente pela longevidade e pelo poder pessoal.

A maioria dos estímulos energéticos positivos: Cromoterapia, Homeopatia, Cristais, Florais, Reiki, Arteterapia, Geoterapia, etc. agem de uma forma direta neste corpo de energia vital.

A vibração que aí acontecerá encontrará ressonância no corpo físico, como também nos corpos emocional e mental que são mais sutis (onde poderá ter algum agravamento, para que desta forma todas as obstruções energéticas sejam eliminadas vindo a ter posteriormente o equilíbrio.

Já foi comprovado inúmeras vezes que todo ser tende a vibrar, a oscilar, a pulsar em determinadas frequências (número de vezes por segundo) específicas.

Se fornecermos energia num ritmo semelhante a esta frequência, haverá um aproveitamento máximo da mesma, num fenômeno chamado ressonância.

Exemplo: se num local onde encontram-se muitas pessoas, um começa a olhar para o alto, logo outras começam também num efeito de ressonância, um entra na sintonia do outro, isto é ressonância.

Do mesmo modo, as partículas subatômicas, os átomos, as células, os órgãos, os corpos, tudo pode ser “tocado” por vibrações, audíveis ou não, e influenciar-nos numa espécie de “toque sonoro”, impondo-nos ritmos de funcionamento, saudáveis ou não.

Desde tempos remotos, os chineses utilizavam inúmeras técnicas como musicoterapia, meditação, análise de sonhos e muitas outras para buscar a ampliação da consciência e assim a pessoa se harmonizar.

Nós também os Terapeutas Holísticos de hoje utilizamos inúmeras técnicas para este mesmo fim e já descobrimos que se conseguirmos a vibração frequencial certa haveremos de melhorar a energia e conseguiremos nos imunizar dos desequilíbrios.

Nos propusemos a analisar, medir e aumentar a nossa energia vital que é muito sutil e atuante, através de várias técnicas holísticas conhecidas de todos: Cromoterapia, Reiki, Aconselhamento, Florais, Cristais e outras, tudo para sentindo-nos mais harmonizados e, portanto felizes.

Um exercício comum para aumentar a ENERGIA VITAL consiste em entrar em contato com a energia de uma árvore, ficando de pé em frente a ela e colocando as mãos em ambos os lados do tronco.

Firme nessa posição, você visualiza que está canalizando a energia de árvore, através das mãos, circulando-a pelo corpo e liberando-a de volta à terra, através dos pés.

Uma variação desse exercício é imaginar a energia sendo canalizada por intermédio da mão esquerda, circulando pelo corpo, e sendo liberada de volta à árvore, através da mão direita, completando um circuito entre o coração e a árvore.

O princípio da energia vital fluindo através de trilhas e vértices energéticos está presente em toda a natureza.

O cliente é o principal fator em um processo de equilíbrio energético.

Quando o cliente decide participar de forma ativa focalizando e integrando as impressões mentais, emocionais e físicas em sua força vital, eleva também a sua energia sutil, fazendo-o se sentir melhor e mais harmonizado como um todo, não de uma só vez, mas de forma continuada.

A força vital e a energia sutil, portanto, se completam e se relacionam diretamente para que uma harmonização energética seja alcançada de forma eficaz, duradoura e holística, favorecendo a todos os envolvidos na terapia.

Portanto, vamos usar nossas técnicas de Terapeutas Holísticos sem desanimar e com perseverança porque aí teremos a experiência de a ENERGIA VITAL aumentar e ficaremos impassíveis diante dos desequilíbrios e teremos a vitória da HARMONIA e ALEGRIA.

Artigo extraído da Propositura de Palestra para o evento Holística 2015. 

 

Nilma Glória Braga Siqueira - CRT 30758 - Terapeuta Holística Nilma Glória Braga Siqueira - CRT 30758 - Terapeuta Holística, trabalha com Radiestesia, Radiônica e é palestrante destacada do congresso Holística. nilmagloria@terapeutaholistica.com.br

 

Destaques da Edição